No próximo dia 11 de novembro tem início mais uma uma edição das festividades natalinas de Garanhuns. Na expectativa para este período, que virou marca registrada do município, empreendedores tem se preparado para o aumento da demanda de clientes. A Secretaria de Cultura de Garanhuns espera receber mais de um milhão e 300 mil pessoas durante o período das festividades. A pasta também acredita que, este ano, sejam movimentados mais de R$ 80 milhões, quase o dobro do registrado no ano anterior.

Este ano, a festa irá se chamar 'Encantos de Natal de Garanhuns'. A rede hoteleira do município já tem sentido o aumento da procura por reservas de estadias em Garanhuns. Outros empreendimentos, como restaurantes, afirmam que já estão se preparando para aumentar o estoque, a produção e a quantidade de funcionários para atender bem à demanda.

Além disso, esses empreendimentos têm se preparado para apresentar novos produtos aos clientes no período natalino. "A gente está se preparando, aumentando o quadro de funcionários e o mix de produtos", afirma o empresário João Guilherme, que está à frente de uma hamburgueria na cidade.

Na última edição, o evento natalino do município, que se chamava Magia do Natal, movimentou mais de R$ 45 milhões, de acordo com a Secretaria de Cultura do município. As festividades ocorreram de 19 de novembro de 2021 a 8 de janeiro de 2022 e a movimentação econômica desencadeou efeitos positivos em diversos setores, de forma direta e indireta, como transporte público, farmácias, serviços de saúde, mercados, feirantes.

"Quando a cidade proporciona um evento dessa magnitude, com a capacidade de atrair turistas de diversas localidades, acontece o que a gente chama na economia de 'efeito multiplicador'. Esse efeito tem a capacidade de potencializar esses ganhos para diferentes seguimentos", explica a economista Patrícia Duarte.

G1 Caruaru