Ontem terça-feira dia, 13 SET 2022, por volta das 14h30, a GT da cidade de Alagoinha no Agreste Pernambucano, recebeu uma denúncia anônima, informando que o imputado , NOME PRESERVADO, possuía uma arma de fogo e que utilizou a mesma para ameaçar populares em uma festa dias antes.

Com apoio das equipes NIAZM-3 e Malhas da Lei, os militares se deslocaram à residência do imputado que não se encontrava, porém, autorizados pela dona da residência, NOME PRESERVADO, esposa do imputado, e após buscas no local, os policiais militares encontraram a arma, um revólver calibre 38 e 7 munições intactas do mesmo calibre no quarto do imputado.

Após rondas, o mesmo foi encontrado próximo à sua residência, e questionado sobre a origem da arma, afirmou ser de sua posse e teria comprado para se defender, pois sofria ameaças de morte de bandidos locais.

Diante da situação, o imputado foi conduzido à DP de Alagoinha, assim como os materiais apreendidos para adoção das medidas cabíveis, onde foi lavrado um Auto de Prisão em Flagrante Delito  em desfavor do imputado.