O Estado de Pernambuco registrou o maior número de mortes violentas no país no primeiro semestre de 2022. De acordo com levantamento criado pelo g1, o número de assassinatos no território pernambucano teve alta de 10,7%.

Em 2021, no primeiro semestre, ocorreram 1.679 crimes contra a vida no Estado. Já em 2022, em números absolutos, Pernambuco teve 1.854 assassinatos no mesmo período. O aumento registrado no estado também vai no sentido contrário do que ocorreu no Nordeste, que teve uma queda de 5% no número me assassinatos.

De acordo com o secretário de Defesa Social de Pernambuco, Humberto Freire, os crimes ligados ao tráfico de drogas têm relação com o aumento do índice de mortes violentas no estado.

"Tinham áreas com 65%, 60% dos homicídios motivados por tráfico em 2021 e, neste momento, temos áreas com 90% dos homicídios motivados por tráfico. O principal motivo é a rivalidade entre grupos criminosos que se dedicam ao tráfico. A maioria [das mortes] está vinculada a uma atividade criminal dos autores e da vítima", declarou.

No Nordeste foram registrados 9.160 homicídios no primeiro semestre de 2022. Quatro Estados tiveram alta: Pernambuco (10%), Paraíba (8%), Piauí (7%) e Alagoas (8%). 

Fonte: Agreste em Alerta