Uma operação da Neoenergia identificou um desvio de energia uma uma pousada, localizada no Alto do Moura, em Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

As equipes técnicas constataram um desvio de neutro que impedia o medidor de registrar o real consumo de energia elétrica. A ação foi promovida pela área de inteligência da empresa. O volume de energia recuperada com esta ação foi de 203.000 kWh, quantidade que seria suficiente para abastecer cerca de 1.500 residências, por um mês. Toda energia não medida será cobrada por meio de processo administrativo. A fraude na pousada foi retirada, o cliente foi regularizado e a energia voltou a ser medida de forma regular.

A Neoenergia Pernambuco reforça que o furto de energia é crime sujeito às penalidades do artigo 155 do Código Penal Brasileiro. Além de acarretar prejuízos à população, a prática representa riscos de acidentes graves. Em caso de denúncias, os clientes podem entrar em contato pelos canais de atendimento da concessionária, sem a necessidade de identificação.

G1 Caruaru