As imagens de um jovem de 17 anos usando uma faixa com uma suástica no braço esquerdo ganharam as redes sociais na quinta-feira (17). O caso aconteceu em um shopping de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. Na ocasião, clientes se sentiram incomodados com a presença do jovem, que foi expulso do centro de compras.

 

Diante da repercussão do caso, o G1 procurou um historiador e um advogado para explicar a gravidade do ato do adolescente, já que o símbolo está relacionado ao Partido Nazista Alemão.

 

Qual a relação da suástica com o nazismo?

O historiador, escritor, professor de História e mestre em História, Política e Bens Culturais, Raphael Alberti, explicou ao G1. Veja o vídeo abaixo:


"O símbolo que vimos na braçadeira do rapaz [...] é uma suástica que tem um giro de 45 graus à direita a partir do seu eixo, ela é pintada de preto num círculo branco e um fundo vermelho. Essas cores simbolizam a bandeira da Alemanha e esse símbolo é do Partido Nazista Alemão, que é um partido de ideologia de extrema direita, que usava violência para perseguir opositores políticos, comunistas, gays, negros, judeus e ciganos. Usar esse símbolo numa democracia é algo totalmente inaceitável, pois representaria um orgulho à tortura, prisão e morte de pessoas negras, gays, judeus e ciganos", explicou.

 

O professor Raphael Alberti ainda ressaltou que "na Alemanha isso é um crime, usar símbolos nazistas, com prisão de até três anos".


O que diz a lei no Brasil?

A suástica tem relação com o nazismo e o uso de símbolos nazistas é crime no Brasil. O artigo 20, § 1º, da Lei 7.716/89, alterada pela Lei 9.459/97, fala que "fabricar, comercializar, distribuir ou veicular símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo", tem pena de reclusão de um a três anos e multa.

 

O advogado criminalista João Pedro Guerra ressaltou que uma pessoa hoje, no Brasil, que veicular um símbolo, como a cruz suástica, por exemplo, para fins de divulgação desse imaginário nazista, estará cometendo um crime tipificado na lei. Veja o vídeo abaixo:


"Então se qualquer pessoa presenciar algum tipo de comportamento dessa natureza, um indivíduo portando símbolos, como a cruz suástica, para fins de divulgação do nazismo, essa pessoa que presenciar esse fato deverá acionar imediatamente a Polícia Militar, que prenderá em flagrante esse indivíduo e será responsável também para encaminhá-lo à uma autoridade policial", pontuou o advogado.


Entenda o caso


Um jovem usando uma faixa com uma suástica no braço esquerdo foi expulso de um shopping em Caruaru, no Agreste de Pernambuco, nesta quinta-feira (17).

 

Um vídeo que circula nas redes sociais mostra o jovem com o símbolo do nazismo em cima de uma blusa de manga longa preta com capuz enquanto circula no shopping, que fica no bairro Indianópolis. "É a minha liberdade", disse jovem ao ser abordado. O G1 não conseguiu identificar o suspeito.

 

O shopping não registrou boletim de ocorrência, e pelas redes sociais, disse que repudia toda e qualquer forma de apologia ao movimento nazista. A Polícia Civil apreendeu o adolescente e ele será apresentado ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE).


Do G1 Caruaru